PM suspeito de tentar matar homem em posto de combustíveis é ouvido e liberado em Fortaleza

O agente entregou sua arma de fogo, mas não chegou a ser detido, porque não foi expedido mandado de prisão contra ele.

O soldado da Polícia Militar do Ceará (PMCE) suspeito de se envolver em uma discussão que terminou em tentativa de homicídio, em Fortaleza, se apresentou às autoridades na quinta-feira (12), foi ouvido e liberado. A informação apurada pela reportagem do Diário do Nordeste foi confirmada nesta sexta-feira (13) pela Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública (CGD).

O agente entregou sua arma de fogo, mas não chegou a ser detido, porque não foi expedido mandado de prisão contra ele. A Controladoria destaca que o soldado foi afastado do policiamento ostensivo.

 

“O policial entregou a arma utilizada na ocorrência e manifestou o direito de ser interrogado ao final da investigação. A Controladoria adotou todas as medidas legais pertinentes ao caso e, inclusive, encaminhou a arma à perícia. O militar, após todo ditame legal na unidade policial, foi liberado, seguindo o ordenamento jurídico, e teve determinado o seu afastamento das atividades. As investigações continuam no sentido de esclarecer os fatos”, disse a CGD.

A vítima baleada em um posto de combustíveis na última quarta-feira segue hospitalizada com estado de saúde grave. Câmeras de segurança do estabelecimento localizado na Avenida Pontes Vieira flagraram o momento em que um homem é atingido por um disparo efetuado pelo agente.

Fonte: https://diariodonordeste.verdesmares.com.br/

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *