Economia

Número de Declarações de Imposto de Renda Sobe em 2024, mas Não Atinge Meta da Receita Federal

O total de declarações de Imposto de Renda de Pessoas Físicas (IRPF) entregues em 2024 chegou a 42.421.153, um aumento em relação aos 41,2 milhões de 2023. No entanto, o número ainda ficou aquém da expectativa máxima da Receita Federal, que era de 43 milhões.

Como em anos anteriores, muitos brasileiros deixaram para enviar suas declarações nos últimos dias. Aproximadamente 4 milhões de declarações foram submetidas entre 30 e 31 de maio, final do prazo estabelecido.

O aumento no número de envios pode ser atribuído à maior disponibilidade de declarações pré-preenchidas, que facilitaram o processo para 75% dos contribuintes, sendo que 41% efetivamente utilizaram o recurso.

Aqueles que não entregaram a declaração dentro do prazo estão sujeitos a uma multa mínima de R$ 165,74, que pode alcançar até 20% do valor devido, dependendo do montante não declarado.

Além disso, o número de declarações ainda pode aumentar, pois a Receita Federal prorrogou o prazo para 30 de agosto para os contribuintes do Rio Grande do Sul, devido à tragédia climática que afetou mais de 2,3 milhões de pessoas no estado desde o final de abril.

Aumento nas Doações Através do Imposto de Renda

Em 2024, houve um aumento significativo nas doações feitas diretamente na declaração do Imposto de Renda. O valor total destinado a causas sociais chegou a R$ 330,43 milhões, com contribuições de 237.081 pessoas, superando os R$ 283,75 milhões de 2023.

O Rio Grande do Sul foi o estado que mais recebeu recursos, com mais de R$ 86 milhões direcionados a fundos de proteção a crianças, adolescentes e idosos. São Paulo ficou em segundo lugar, recebendo R$ 68 milhões, seguido por Minas Gerais, com R$ 34 milhões.

Essas doações são provenientes de impostos pagos que os contribuintes podem direcionar para causas específicas, sem intermediários. Até 6% do tributo devido pode ser destinado a instituições escolhidas pelo contribuinte.

Apesar do aumento, o número de doações ainda está muito abaixo do potencial. Se todos os contribuintes indicassem o destino de seus impostos, o valor total poderia chegar a R$ 12,9 bilhões.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *