Fortaleza tem péssimo início de Série A, segue na lanterna e precisa de reação imediata; veja jogos

O time tricolor é um dos únicos que ainda não venceu após quatro jogos

Fortaleza empatou com o São Paulo em 1 a 1 neste domingo (8), na Arena Castelão, pela Série A de 2022. Somou o primeiro ponto após quatro jogos na competição, mas a campanha no início do Brasileirão é de briga contra o rebaixamento: na lanterna e entre os três times que ainda não venceu.

A lista tem Atlético-GO (3p) e Juventude (3p), ambos no Z-4, junto do Ceará (3p). Fora da zona, surge o Goiás, com cinco, o que garante ao Leão pelo menos mais uma rodada no Z-4 – isso, se vencer a primeira.

 

Reprodução da tabela da Série A
Legenda: O Fortaleza é o lanterna da Série A de 2022
Foto: Diário do Nordeste

 

Diante do tricolor paulista, não foi inferior nos 90 minutos. Até apresentou mais volume, mas pouco para assustar o adversário. Saiu atrás após o gol de Luciano, arrancou o empate com Pikachu, e a igualdade perdurou. Hoje, o nível de atuação deve ser convertido em resultado de modo urgente.

Isso porque a elite nacional cobra o presente no futuro. A caminhada é a cada jogo, e o time já acompanha a margem para fugir da zona se ampliar. Outros times de padrão intermediária descolaram na tabela, como Coritiba, Avaí e Cuiabá, todos com sete. A pressão então cresce para a sequência.

PRÓXIMOS JOGOS DO FORTALEZA

  • 12.05 – Vitória/BA x Fortaleza | Copa do Brasil
  • 15.05 – Botafogo x Fortaleza | Série A
  • 18.05 – Alianza Lima-PER x Fortaleza | Libertadores
  • 22.05 – Fortaleza x Fluminense | Série A
  • 25.05 – Colo-Colo-CHI x Fortaleza | Libertadores
  • 28.05 – Fortaleza x Juventude | Série A

 

Vojvoda grita com atletas durante jogo
Legenda: O técnico Juan Pablo Vojvoda tem contrato no Fortaleza até o fim de 2022
Foto: Kid Júnior / SVM

 

FOCO NO BRASILEIRÃO

A Série A é (deve ser) o fio condutor do Fortaleza Esporte Clube: caminho de estabilidade, recurso e projeto. Com calendário cheio e um primeiro semestre de metas alcançadas, com os títulos da Copa do Nordeste e do Campeonato Cearense, o foco sempre deve ser revertido ao Brasileirão, na busca por resultados.

>Veja a tabela completa da Série A de 2022

Por isso, a atenção na administração da Copa do Brasil e da Libertadores. A gestão se preparou, realizou o maior investimento da história na janela de transferência, mas ainda será preciso mais, com atenção ao mercado, para ampliar repertório e se sustentar até fim de 2022. É o cuidado interno alinhado ao tecnico Vojvoda.

O alento é o trabalho e a produção. Nos últimos jogos, o Fortaleza criou em grau similar ou superior aos respectivos adversários (Alianza Lima-PER, Corinthians, River Plate-ARG e São Paulo), mas venceu apenas um. É reencontrar o equilíbrio de modo imediato enquanto há tempo para reação na 1ª divisão nacional.


Fonte: https://diariodonordeste.verdesmares.com.br/


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *