Diretor da Apex-Brasil, Lucas Fiuza participa da abertura da Casa Brasil Londres 2022

O diretor de negócios da Apex-Brasil, Lucas Fiuza, participou da abertura da Casa Brasil Londres 2022. O evento, que teve início em 25 de agosto, segue até 7 de setembro na capital inglesa.

O objetivo da ação é proporcionar ao público internacional presente na cosmopolita Londres uma experiência imersiva e inspiradora no universo das formas, cores, texturas, criatividade e sabores brasileiros, tanto na indústria quanto na gastronomia.

“Vamos fortalecer ainda mais a imagem do nosso Brasil como liderança na produção de alimentos e garantidor da segurança alimentar global por meio de práticas inovadoras e sustentáveis”, ressalta o executivo.

Participam do encontro 16 empresas brasileiras de 26 setores, entre eles Alimentos e Bebidas, Casa & Construção, Móveis, Moda, Calçados e outros.

Um dos destaques é a Melon&Co, empresa que atua no Reino Unido e pertence à cearense Agrícola Famosa, maior exportador de frutas do País. Representando o Ceará, a companhia comercializa melão e melancia.

Também brasileira, a Tropicool, que trabalha com produtos como açaí, manga, amendoins, marca presença no evento. A empresa fabrica uma série de produtos de sua unidade localizada em Aracati, gerando emprego e renda para os cearenses.

Com relação aos setores, o de rochas ornamentais é um dos grandes destaques. “O Ceará tem boa participação no setor que bateu o recorde de US$ 1,3 bilhão exportado no ano passado. A Centro Rochas, entidade do setor, esteve presente realizando uma excelente apresentação para o mercado local”, disse.

No rol da programação entram exposições, demonstrações e degustações de produtos, rodadas de negócios, mercado ao céu aberto, masterclasses, workshops, ativações gastronômicas com iguarias típicas brasileiras e shows culinários.

“O Reino Unido é o vigésimo parceiro comercial do Brasil, sendo que a corrente de comércio entre ambos os países em 2021 foi de US$ 5,6 bilhões, com as exportações brasileiras alcançando US$ 3 bilhões”, destaca Lucas Fiuza.

As exportações até o mês de junho de 2022 para o Reino Unido alcançaram US$ 1,72 bilhão. Já as importações chegaram a US$ 1,2 bilhão, totalizando um fluxo comercial de US$ 2,9 bilhões, com balanço favorável ao Brasil.

“Somos o 34º fornecedor de produtos e bens de consumo para o Reino Unido. Desde a saída da União Europeia, o país busca novas oportunidades de acordos comerciais com objetivo de fortalecer seu comércio internacional, sendo o Brasil um dos parceiros chave nesse sentido”, finaliza o executivo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.