Economia

APROVADO! Jornada de trabalho será reduzida em todo o país sem mudança salarial

Uma grande notícia para os trabalhadores formais do país. A jornada de trabalho será reduzida no Brasil sem que haja a redução salarial dos funcionários. A medida busca garantir um poder de decisão mais amplo entre os empregadores do país. Veja abaixo mais detalhes sobre a mudança.

Após votação na Comissão de Assuntos Sociais (CAS), no Senado Federal, os senadores votaram e aprovaram uma medida que influencia diretamente na jornada de trabalho dos cidadãos. No caso de decisão entre as partes, os empregadores poderão reduzir o tempo de trabalho sem a redução salarial.

Ou seja, caso seja aceito pelo empregador e pelo empregado, poderá haver a redução de tempo exercido no meio de trabalho enquanto o salário permanecerá o mesmo. Esta aprovação abre espaço para uma série de renegociações entre os milhões de trabalhadores formais do país. Veja mais detalhes sobre isso abaixo.

Confira remuneração média recebida pela jornada de trabalho
A jornada regular de trabalho é composta de 40 horas semanais. Portanto, os trabalhadores que exercem a sua profissão formalmente, sob regime CLT e com a carteira de trabalho assinada costumam trabalhar cinco dias na semana (segunda a sexta), oito horas por dia. Existem muitos que também trabalham aos sábados.

Para este serviço, os brasileiros recebem um valor mínimo de R$ 1.320. Porém, a partir de 2024, o salário mínimo do país deve sofrer alterações. Desta forma, o valor mínimo para exercer a profissão formalmente será ampliado. É esperado que o piso salarial no ano que vem seja de R$ 1.421, um aumento de R$ 101.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *